19 de maio de 2022

Subprodutos da cana-de-açúcar na nutrição animal

A cana-de-açúcar também é conhecida por desempenhar um papel na alimentação animal por meio de seus subprodutos/subprodutos.

Além do café, o Brasil é o maior produtor mundial de cana-de-açúcar, respondendo por cerca de 40% da produção total mundial. São Paulo responde por cerca de 55% da produção total do país e é cultivada na maioria dos casos para a produção de açúcar e etanol.

O cultivo em larga escala da cana-de-açúcar produz grande quantidade de bagaço, que é considerado o maior subproduto/subproduto agroindustrial do Brasil, além de ser utilizado para alimentação animal, o bagaço também é utilizado para outros fins na agroindústria.

Bagaço de cana-de-açúcar

A utilização do bagaço na alimentação animal não é um fenômeno recente. Assim como os demais subprodutos/subprodutos deste cardápio, é cada vez mais utilizado em pesquisas científicas para demonstrar sua eficiência e ser um substituto alimentar eficaz.

Devido à sua alta disponibilidade e baixo preço de aquisição, o bagaço é uma opção interessante para alimentação de ruminantes, podendo substituir a forragem em épocas de seca. No entanto, é necessário direcionar as condições de processamento necessárias, seja por vapor ou produtos químicos (amônia anidra ou uréia). Além disso, a oferta precisa ser adequada ao consumo animal.

De acordo com os resultados da pesquisa científica, a aplicação do bagaço na alimentação de ruminantes pode ser viabilizada. Por isso é importante divulgar seus subprodutos/subprodutos no Agro2business, além de ter valor de monetização, permitindo que pesquisadores acessem os materiais necessários.

Na Agro2business.com você também pode vender o seu produto agro de qualquer segmento!

Por Vinicius Ferarezi 15/10/2020 

O que você achou deste conteúdo?

guest
0 Comentários
Comentários em linha
Ver todos os comentários

Artigos relacionados

subproduto-milho
Por Agro2Business
9 de jul de 2022
Nenhum comentário
farelo-soja
Por Agro2Business
2 de jun de 2022
Nenhum comentário
fontes-alternativas-nutricao
Por Agro2Business
27 de maio de 2022
Nenhum comentário
magnifiercrosschevron-down